02/04/2014

Xô, verme!


Como de costume, todos os anos procuro uma farmácia para me desverminar. E em 2014, escolhi essa semana pra fazer isso. E pode reparar, que aqui no blog tem até um vídeo que fixado na lateral esquerda, onde mostra "Uma sexta-feira com Marcos Pereira", e no vídeo eu gravei minha ida à farmácia para comprar um remédio para verme.

E todo ano é a mesma história, aquela sensação esquisita de chegar na farmácia e pedir pro atendente um "remédio pra verme". Por isso, dessa vez estou até postando aqui no blog, para no ano que vem quando eu decidir ir na farmácia fazer isso, poder olhar na foto e chegar pedindo o remédio Albel. Porque a impressão que dá, é a mesma de quando você vai comprar camisinha: parece que a farmácia inteira para e faz aquele silêncio infinito a hora em que você vai pedir discretamente pro farmacêutico o que você quer. 

E dessa vez, cheguei na farmácia como se o remédio não fosse pra mim (que idiota, eu sei!), e fui logo falando com toda a firmeza que (não) existia em mim: - Boa tarde, eu quero um remédio pra verme. Ah, pra dois adultos, por favor. E não precisei dizer mais nada, apenas ouvir as instruções de uso que ele me dizia, como por exemplo, não ingerir bebida alcoólica nos próximos 5 dias pra não interferir no medicamento, já que é um comprimido por dia. Ah, e eu não tenho verme equivalente a duas pessoas não, é que eu aproveitei a viagem e comprei pra uma pessoa que havia pedido pra mim.

E pra quem acha vergonhoso ir comprar um remédio pra verme numa farmácia, eu digo que é mais constrangedor ainda ter que levar um potinho de cocô num laboratório. Então vamos evitar maiores constrangimentos e continuar minha prevenção contra os vermes anualmente, né.. Hahahahha

2 comentários:

Rafael Jardim disse...

Hahaha. Vou comprar.

Rafael Jardim disse...

Hahaha. Vou comprar.