31/10/2013

Fobias esquisitas


Você deve saber que o termo "fobia" é utilizado pra pessoas que têm medo super ultra power mega exagerado de alguma situação, animal, lugares ou objetos. Provavelmente, você deve ter alguma fobia, como medo de cobra, barata, altura etc, consideradas "normais" até então. E eu confesso aqui no blog, que eu tenho medo de cigarra. Tipo, muito medo mesmo! Uma vez na faculdade, na época das cigarras, me apareceu uma com aquele canto do saravá, cheia de xixi e com aquele monte de pata nojenta que gruda na gente e não solta nunca mais bem no centro de convivência, perto da minha cadeira. Não pensei duas vezes em sair "educadamente-desesperado" sem deixar, ou pelo menos tentar não demonstrar meu pânico no meio de todo mundo.

Essa fobia por cigarra, acho que tem uma explicação. Quando eu era criança (era?), meus irmãos pegavam cigarras, amarravam uma linha de costura na cintura dela e saíam desfilando pela casa segurando a outra ponta da linha enquanto a cigarra ficava tentando voar pra longe, coitada. E nessa época, um dia fui brincar de fazer a mesma coisa.. Meu irmão amarrou a cigarra e me entregou. Até aí eu estava calmo. Conforme a cigarra voava pra se livrar de mim, ela dava uns "rasantes" na minha cabeça. Aí o desespero tomou conta de mim, porque eu pensava que sei lá, a cigarra fosse me engolir, só pode. Quando fui sair correndo de desespero, eu puxava involuntariamente a linha e a cigarra encostava em mim. Eu, burro, saí correndo a casa inteira e não sei porque motivo, eu não soltava aquele diabo de linha que segurava aquela carniça de cigarra! Final da história foi todo mundo lá de casa rindo da minha cara.

Com esse fato, minha irmã, muito encapetada, descobriu que eu tinha fobia de cigarra. E certo dia, eu todo inocente, deitado na sala de casa assistindo televisão depois de ter chego da escola fui surpreendido por um barulho de cigarra que aumentava conforme vinha na minha direção. Tive um mini ataque cardíaco. Quando de repente, aparece na porta da sala, minha irmã com cara de vilã, segurando uma cigarra na mão e vindo pra cima de mim. Foi cena de filme, em câmera lenta. FOI O MAIOR ESCÂNDALO DA MINHA VIDA. Eu lembro que eu tive que pular a janela da sala, e nem assim minha irmã parava de correr atrás de mim. À medida que minha irmã se aproximava de mim, eu ouvia o barulho da cigarra e meu desespero aumentava, me dando doses e doses de adrenalina, fazendo com que eu fizesse coisas sem perceber, como pular o muro de casa e correr o QUARTEIRÃO INTEIRO com medo de uma desgraça de uma cigarra. Eu nunca vou esquecer essa corrida, o tanto que eu corri e gritei ao mesmo tempo. Imaginem a cena: eu descalço, chorando de medo de cigarra, fazendo o maior escândalo no meio da rua, os vizinhos todos olhando pensando que era alguém morrendo, e minha irmã correndo atrás de mim com a cigarra na mão e se cagando de rir. Não lembro como acabou a história, mas provavelmente, depois de ter corrido o quarteirão todo, voltei pra casa e fiz minha mãe de escudo. Eu acho, não lembro direito.

E sempre foi assim. Quando era época de cigarra, eu sentia vontade de ficar trancado no meu quarto o dia inteiro, com medo dos meus irmãos aparecerem com uma cigarra na mão e virem pra cima de mim. Isso aconteceu várias e várias vezes. Tô rindo aqui, lembrando da cara deles quando pegavam uma cigarra e olhavam pra mim. Era uma cara tipo Paola Bracho:


Apesar de parecer engraçado, é muito tenso. Vi inclusive, que existe um caso mais extremo ainda, de uma mulher que se tranca em casa, não vai pra faculdade e pro trabalho, porque tem a mesma fobia que eu. Saiu  até no UOL, dêem uma olhada na matéria. Clique aqui.

Mas então, contei essa história toda super humilhante, mas a ideia do post mesmo, era contar algumas fobias esquisitas, que a gente às vezes nunca nem parou pra pensar que existisse gente com medo dessas coisas. Vamos à lista:
1- Alectorofobia: medo de galinhas
2- Alodoxafobia: medo de ouvir opiniões
3- Anuptafobia: medo de ficar solteiro(a)
4- Botanofobia: aversão a plantas
5- Caliginefobia: medo de mulheres bonitas
6- Catoptrofobia: aversão a espelhos
7- Cenofobia: aversão a coisas ou ideias novas
8- Chorofobia: medo de dançar
9- Clinofobia: medo de ir para a cama
10- Coulrofobia: medo de palhaços
11- Cronofobia: medo da passagem do tempo
12- Decidofobia: medo de tomar decisões
13- Eclesiofobia: medo de entrar em igrejas
14- Efebofobia: aversão a adolescentes
15- Ergofobia: aversão ao trabalho
16- Falacrofobia: medo de ficar careca
17- Gamofobia: aversão ao casamento
18- Gerascofobia: medo de envelhecer
19- Hedonofobia: medo de sentir prazer
20- Nostofobia: medo de voltar para casa
21- Ombrofobia: medo da chuva
22- Penterafobia: medo da sogra
23- Ritifobia: medo de ter rugas

E você que invente de chegar perto de mim pra fazer brincadeirinha com cigarra, pra você ver se minha amizade com você não acaba na hora! É sério! #ameaça

Ai que humilhação esse post.

Um comentário:

Anônimo disse...

Eu também tenho fobia de cigarra!!alguns meninos aq do meu condomínio descobriram, e ficaram tacando papel em mim e gritando: olha a cigara! Eu choro muito... E um dia foram jogar uma de verdade, mas sorte q minha irmã viu antes e pegou da mão do menino!! Eu chorei mesmo sem ver a cigarra, pois só de pensar q ele iria tacar uma em mim , eu já entrei em panico!! imagina se tivesse jogado mesmo!! Eu não iria estar aq para contar a historia😂😂