16/10/2013

Como são calculados os pontos do IBOPE?


O IBOPE (Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística) faz como qualquer outro órgão de estatística: analisa uma parcela pequena e calcula o total a partir dela. Esse sistema é conhecido como amostragem. Para estimar os 39 milhões de domicílios brasileiros que tem televisão (87% das casas do país), o IBOPE analisa 3.019 deles (0,008% do total).

São utilizadas 3 formas de análise:
1) um formulário preenchido pelo residente;
2) um aparelho que coleta diariamente a programação assistida;
3) outro aparelho (o Peoplemeter) mas que envia os dados em tempo real.

Mas como com tão poucas referências o IBOPE pode estimar a audiência do país todo, né? Sendo muito criterioso na escolha das residências. O órgão filtra, através de dados do IBGE e outra série de parâmetros, e escolhe representantes de todas as idades e classes sociais. Eles precisam ser muito bem selecionados pois cada casa representa 58 mil outras. Portanto, para fazer os cálculos é muito simples: 5 pontos? 5 x 58 mil = 290 mil residências (esta proporção pode variar de um ano pro outro).

Eu, particularmente, não acredito que 0,008% possa ter o "poder" de representar algum dado concreto e com algum fundamento. São poucas pessoas pra representar uma humilde parcela chamada "Brasil". Esses dados não me convencem. Se eu for fazer a pesquisa do meu TCC, por exemplo, com 0,008% de pessoas pra representar toda a parcela do público que eu for analisar com o formulário de pesquisa, aposto que meu orientador não iria aceitar. #chateado

E vocês, acreditam nesses dados do IBOPE? #opinião

Nenhum comentário: